Muda de Baunilha

baunilha-planta
vanilla_planifolia_vanillebaunilha001baunilha-0120170324_080842

Muda de Baunilha

R$70,00

Mudas de Baunilha bem firmes com cerca de 50cm.

Em estoque

REF: FC0045 Categoria

Descrição do produto

Há muitos anos a baunilha já esta no paladar dos brasileiros, quem não tem em casa ou nunca teve um vidrinho de extrato de baunilha? De uns tempos pra cá encontramos também no supermercado as favas verdadeiras, vendidas individualmente. Mas você conhece este ingrediente, sabe bem como usar? Abaixo vou te contar tudo sobre ela, porque ela chega tão cara até você e como com um pequeno investimento dá pra fazer um extrato natural que pode durar anos e servir para um monte de receitas!Baunilha, do latin: Vagina

A palavra Vainilla vem do em espanhol é o diminutivo de vaina (vagem), ou, a partir do latim: vagina (pequena vagem) tem esse nome devido a maneira como a vagem deve ser dividida ao meio e aberta para expor as sementes.

Cara e Poderosa
A baunilha é a segunda especiaria mais cara do mundo, só perde para o açafrão. De 80 a 85% de sua produção vai para cozinha, o restante para perfumarias. A Baunilha Absoluta, a forma mais concentrada de baunilha natural (que custa US $ 6.000 por quilo) é a nota base de longa duração de muitos perfumes famosos como Chanel No 5 por exemplo.

Uma grande família 

A baunilha é uma orquídea. A família das orquídeas, contém mais 20.000 membros, é a maior família de plantas com flores do mundo! Mas a baunilha é o seu único produto comestível desta grande família.

Há 150 variedades de orquídea baunilha, mas apenas dois deles, Bourbon e Tahitian, são usados comercialmente.

A Bourbon é a baunilha original que os espanhóis encontraram no México.
É cultivada em sua maioria em Madagascar e na Ilha da Reunião (esses dois países juntos produzem  três quartos da baunilha consumidas do mundo!), com contribuições menores da Índia, Indonésia e China. O México é agora um pequeno produtor.
Tahitian baunilha é uma variedade de baunilha Bourbon. Ela tem uma fragrância floral e seu sabor carrega alcaçuz, ameixa e notas de cereja secas.
 
A dupla Descoberta 
Hernan Cortez, um famoso conquistador espanhol é creditado por ter introduzido a baunilha na Europa em 1520. Ele trouxe-o do México, juntamente com outra delícia: o chocolate.
A história conta que os conquistadores espanhóis descobriram os dois no mesmo momento, a baunilha estava misturada com a bebida que os astecas chamavam de xocolatl (pronuncia-se “choque olatl”) servidos apenas a nobreza. Para os astecas os grãos de cacau e as vagem de baunilha eram usados como moeda.
Edmond Albius 
Em 1841, Edmond Albius, 12 anos, escravo da colônia francesa da Ilha da Reunião, com um fino pedaço de bamboo levantou a membrana natural que cobre a orquídea e dificulta a sua polinização e a fecundou com seu polegar cheio de polêm! Este método manual de polinização é usado em produções até hoje é chamado de método Albius.


A Epopéia da Vagem
Depois da polinização a baunilha tem um período de 9 meses de maturação. Ela é colhida ainda verde e sua fava deve ter em torno de 17 a 30 cm.
Após serem colhidas elas são jogadas em água quente para serem mortas e interromper sua maturação, durante 3 a 4 meses elas tomam banhos de sol de manha e são embrulhas em cobertores a noite para suarem e secarem.
Depois de todo este processo as baunilhas estão quase pretas e perderam 3/4 do seu peso inicial.
Ele é coberta em Givre uma substancia feita com glucose e cristais de vanilina (um derivado da baunilha) para proteger a fava e seu aroma.
Elas então são divididas em dois grupos: Grau A – mais oleosas e úmidas, devem ter entre 16 e 21 centímetros estão no primeiro nível de qualidade e Grau B vagens entre 10 e 15 cm e pertencem à segunda categoria de qualidade.
Tipos de Baunilha
Baunilha de Bourbon / Madagascar
Este é um nome genérico para Vanilla Planifolia, planta que vem de Ile de Bourbon, (antigo nome da Ilha da Reunião).  Seus sabores são ricos e equilibrado e tem um aroma forte. O tipo preferido para fazer extratos. É neste sabor que a maioria de nós pensa quando pensamos em sorvete de baunilha ou bolos. Ela pode ser usado em ambas as preparações frias e quentes.
Baunilha Indonésia
Com diferente processo de maturação esta baunilha é colhida antes dos 9 meses necessários para o amadurecimento da vagem e possuí um processo de secagem de curto prazo utilizando lenha o que a dá sabor defumado. É melhor usada em preparações quentes e pratos salgados.
Baunilha Mexicana
Seu sabor é suave, cremoso e picante, com notas delicadas com aromas frutados. Ela pode ser utilizado em pratos quentes, mas é mais indicada para preparações frias ou aqueles que necessitam de um tempo de cozedura curto.
West Indian Baunilha
West Indian baunilha é uma baunilha com um grau inferior ao Bourbon / Madagascar, a vagem  tem um teor de vanilina naturalmente baixo. Como tem um sabor muito pobre para usos culinários, é mais usada para fazer perfumes.
Tahitian baunilha 
Ela não tem tanta vanilina natural como Bourbon, mas o sabor vem do heliotropina (anis aldeído), dando-lhe um sabor doce e frutado, que lembra cerejas ou uvas passas.
Mesmo que a sua vagem é mais gorda do que de baunilha Bourbon, ela não possue muitas sementes. É melhor usada em alimentos cozidos, como molhos e compotas e também funciona bem com carnes.
Os derivados da Baunilha


Extrato de Baunilha
Hoje em dia a maneira mais fácil de se consumir baunilha é através de seu extrato, um líquido âmbar feito através da infusão de grãos de baunilha em uma mistura de água e álcool, que voce pode fazer em casa (vou te dar a receita daqui a pouco).
Porém a maioria dos extratos comercializados hoje são artificiais e usam como base apenas um dos 171 compostos aromatizantes da baunilha: a Vanilina.  É por isso que eles são apenas uma aproximação do sabor real, sem nenhuma das suas sutilezas.
A saber: A Coca-Cola, é o maior consumidor mundial de extrato artificial de baunilha do mundo.
Essência de baunilha
Essência de baunilha é o extrato de baunilha destilada ou um concentrado artificial, é mais forte no sabor do que extratos regulares.
Baunilha em pó
Podem ser feitos a partir de diversas fontes, incluindo o extrato de baunilha em pó, misturados com o amido e os açúcares; o pó givre (glucose e cristais de baunilha) ou feito com vagens de baunilha secas moídas. Use-o para aromatizar preparos quentes ou frios. Mantenha em um armário escuro, longe do calor.
Sal e Açúcar de baunilha
Sal e Açúcar baunilha é uma mistura de Fleur de Sel ou açúcar refinado com pedaços de fava de baunilha. Eles podem ser utilizados em pratos doces e salgados. Mantenha em um lugar fresco e seco.

Business Baunilha
Por uma estimativa, 97% da baunilha usada hoje é artificial. Em 2000, um furacão acabou com 15% das plantações de baunilha de Madagascar, e os preços subiram de $ 40 o quilo para US $ 500 o quilo. Por conta disso muitos fabricantes mudaram do natural para o sintético e embora os preços tenham caído desde então, muitos não voltaram. Nós nos tornamos tão acostumados com o sabor de baunilha artificial que, em testes cegos, muitas pessoas agora o preferem ao sabor natural.
É perfeitamente possível que você nunca tenha experimentado o sabor real da baunilha. Nesse caso, uma descoberta maravilhosa te aguarda!

O uso da Baunilha
É importante lembrar que o sabor baunilha reside em duas partes diferentes: na vagem e nas sementes. Você pode retire as sementes, abrindo a vagem com uma faca na direção do comprimento, raspando as sementes que estão dentro e usá-las diretamente em sua cozinha. Porem a vagem deve ser molhada para extrair o seu sabor; imersão da vagem em uma solução contendo álcool vai ajudar a obter ainda mais sabor, depois deixa-a secar e use para aromatizar sal, açúcar ou então a processe até virar pó.
A Baunilha funciona lindamente com: pimenta da Jamaica, cardamomo, canela, cravo, gengibre, lavanda, verbena, capim-limão, alcaçuz, menta, noz-moscada, sementes de papoula, sementes de gergelim e anis estrela.
Fontes: Wikipidia, Epicurus, http://www.mybakingaddiction.com/,  livro de The Spice Bible

CultivoCultura 2016 ~ Produzido por tr3zetrintaeum